Notícias

Oscar 2019: Kevin Hart desiste de apresentar a cerimônia após controvérsia

Compartilhe! 07 de Dezembro de 2018

Daniel Zuchnik/Getty Images

 

Nada de Kevin Hart no Oscar de 2019.

O comediante anunciou na madrugada desta quinta-feira que desistiu de ser o apresentador da cerimônia, após uma controvérsia ter se acendido nas redes sociais, em virtude de publicações antigas em seu Twitter, de caráter homofóbico.

"Tomei minha decisão de deixar o posto de apresentador do Oscar deste ano... e isso é porque eu não quero ser uma distração em uma noite que deveria ser celebrada por tantos artistas talentosos. Peço minhas sinceras desculpas à comunidade LGBTQ por minhas palavras insensíveis do passado", escreveu no Twitter, adiconando em seguida:

"Sinto muito por ter machucado pessoas. Estou evoluindo e quero continuar a fazê-lo. Meu objetivo é unir as pessoas e não afastá-las. Muito amor e apreço à Academia. Espero podermos nos encontrar novamente no futuro."

 

 

A repercussão negativa em torno da escolha de Hart para apresentar a cerimônia do Oscar se deu em razão de mensagens que o comediante havia publicado em 2011 em seu Twitter. À época, ele escreveu: "Se o meu filho vier para casa tentando brincar com a casa de bonecas da minha filha eu eu vou quebrá-la na cabeça dele e dizer, 'pare, isso é gay'." Em ocasiões anteriores, ele também havia comentado que a foto de perfil de um usuário "parecida um anúncio gay para AIDS."

O jornalista Adam B. Vary, do BuzzFeed News, reuniu estes e outros tuítes de Hart em sua própria conta. Logo após o anúncio do Oscar, os tuítes começaram a ser deletados, e a Academia deu um ultimato a Hart: ele precisava pedir desculpas pelas publicações ofensivas, ou deixar o posto de apresentador.

Antes de anunciar sua retirada, Hart havia publicado um vídeo em seu Instagram dizendo que se recusava a pedir desculpas.

"Tenho quase 40 anos. Se vocês não acreditam que as pessoas mudam e evoluem quando ficam mais velhas, não sei o que dizer. Se vocês quiserem segurarem as pessoas em posições em que elas sempre precisam justificar o que fizeram no passado, então façam isso. Eu sou o cara errado. Estou em um ótimo lugar, um lugar maduro, só quero espalhar positividade."

A atriz Indya Moore — uma das protagonistas da série Pose — escreveu uma longa mensagem no Twitter endereçada a Hart:

"Não apenas você está sexualizando o seu filho, mas buscar "prevenir" que ele seja "gay" é motivado pelo medo. Você É homofobico, Kevin. Eu entendo! Ser desacreditado é insano! De verdade, estou muito preocupada com a maneira com que você policia a sexualidade do seu filho."

Em 2015, Hart havia dito à Rolling Stone (via THR) que não faria as mesmas piadas novamente: "Porque quando eu disse aquilo, o mundo não era tão sensível quanto é agora."

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas ainda não se pronunciou oficialmente a respeito do assunto.

POSSÍVEIS PRÓXIMOS LANÇAMENTOS
CLIQUE AQUI E CONFIRA TODOS OS LANÇAMENTOS
© 2015 Cine Roxy Passos - Todos os Direitos Reservados.