Notícias

A Forma da Água é o melhor filme com maior arrecadação desde Argo e o primeiro estrelado por uma mulher em 13 anos

Compartilhe! 05 de Março de 2018
 
A Forma da Água, título com maior número de indicações ao Oscar 2018, saiu da grande festa do cinema com os prêmios de melhor filme, direção, direção de arte e trilha sonora, afirmando-se como o principal ganhador da cerimônia. Comandada pelo mexicano Guillermo del Toro, a fantasia, que tem como cenário os Estados Unidos da Guerra Fria, conta a história de amor entre a faxineira muda Elisa Esposito (Sally Hawkins) e uma criatura fantástica (Doug Jones) capturada nas águas amazônicas. Incomum e desafiador, o romance embalado pela música de Alexandre Desplat atraiu a atenção do público e, apresar de estar longe dos números de um blockbuster como Pantera Negra, tem dado bom retorno para o estúdio Fox Searchlight, muito bom considerando os últimos premiados na categoria.
 
Orçado em cerca de US$ 20 milhões, o filme arrecadou até o último fim de semana US$ 57 milhões nos EUA e US$ 69 milhões internacionalmente, somando US$ 126,4 milhões globalmente. É o melhor saldo local nas bilheterias do vencedor do Oscar de melhor filme desde Argo, vitorioso em 2013 injetando US$ 136 milhões na conta da Warner Bros. Ganhador do ano passado, Moonlight: Sob a Luz do Luar teve US$ 22 milhões em arrecadação nos Estados Unidos, Spotlight - Segredos Revelados conseguiu US$ 45 milhões, Birdman registrou US$ 37,8 milhões e 12 Anos de Escravidão chegou aos US$ 50 milhões.
 
Considerando os valores globais, The Shape of Water só não supera 12 Anos, que mundialmente saiu de cartaz com US$ 187 milhões. Com o fôlego renovado que o filme ganhará nas bilheterias embalado pela vitória na noite de ontem, no entanto, é possível que esse número seja em breve batido. Ele ainda permanece inédito em países como a China, por exemplo, e no Brasil arrecadou até o momento R$ 11 milhões.
 
Outra marca importante do Oscar de A Forma da Água é o fato de que trata-se do primeiro vencedor da categoria principal do Academy Awards protagonizado por uma personagem feminina desde Menina de Ouro, estrelado por Hilary Swank e laureado em 2005. De lá para cá os "campeões" sequer tiveram concorrentes na categoria melhor atriz (fraudulentas ou não), apenas coadjuvantes. Mais uma curiosidade é a incontestável vitória do filme sem ter sido indicado ao SAG de melhor elenco, coisa que só aconteceu anteriormente uma vez, com Coração Valente.
POSSÍVEIS PRÓXIMOS LANÇAMENTOS
CLIQUE AQUI E CONFIRA TODOS OS LANÇAMENTOS
© 2015 Cine Roxy Passos - Todos os Direitos Reservados.